Mosteiro Budista Tibetano Sakya Tsarpa Thupten Dekyid Öedbar Ling

Lama residente no Mosteiro Sakya


Lama Rinchen Khyenrab Thupten Nyima

Em sua formação laica, o monge Rinchen Khyenrab Thupten Nyima (Carlos Henrique) formou-se em Engenharia Agronômica no Brasil e fez sua pós–graduação em Biotecnologia e Agronegócios na Universidade de Cornell em Ithaca - NY, EUA.

Trabalhou nessa atividade de 1983 a 1999, quando decidiu dedicar a maior parte do seu tempo aos estudos e prática do Dharma.

Exerceu o magistério em regime de meio período até 2003, quando completou sua ordenação monástica. Desde então, tem se dedicado em tempo integral a praticar e a ensinar o Dharma segundo a tradição Sakya Tsarpa do budismo tibetano.


Monge Rinchen e S.S. Sakya Trizin

Seu primeiro contato com o budismo foi em 1989 na Thailândia e China. No mesmo ano, conheceu S.S. Jigdal Dagchen Sakya Rinpoche em Seattle, de quem ouviu ensinamentos do Dharma pela primeira vez, e que em 1992 ajudou a organizar sua primeira viagem a Kathmandu, no Nepal.


S.E. Chogye Trichen Rinpoche (1920-2007)

Em 1992, através de S.E. Karma Thinley Rinpoche — reconhecido como mestre nas tradições Sakya e Karma Kagyü —, o monge Rinchen adentrou formalmente aos estudos e prática do Dharma, recebendo os votos de refúgio nas Três Jóias e os votos de Bodhisattva. Em seguida, S.E. Karma Thinley Rinpoche concedeu a ele vários ensinamentos. bem como a iniciação e os compromissos do Buddha Shakyamuni e de Tara Verde.

Ao final de dois anos, S.E. Karma Thinley Rinpoche encaminhou-o a S.E. Chogye Trichen Rinpoche, chefe da sub-escola Tsarpa da tradição Sakya do budismo tibetano. S.E. Chogye Trichen Rinpoche tornou-se o Lama Raiz do monge Rinchen Khyenrab.

De 1994 a 2007, o monge Rinchen recebeu extensivos ensinamentos e iniciações de S.E. Chogye Trichen Rinpoche, que também foi seu mestre em diferentes retiros. Em 2004, ao receber sua completa ordenação monástica (Bhikshu em sânscrito, Gelong em tibetano) o monge Rinchen tornou-se representante da tradição Sakya Tsarpa do budismo tibetano no Brasil e na América do Sul.


S.E. Chogye Trichen Rinpoche concedendo a ordenação completa ao monge Rinchen

Naquela ocasião, S.E. Chogye Trichen Rinpoche autorizou a abertura do Monastério Budista Tibetano Sakya Tsarpa Thupten Dekyid Öedbar Ling no Brasil, com a finalidade de formar monges brasileiros e latino-americanos segundo a tradição Sakya Tsarpa.

Ao longo dos anos de convivência e ensinamentos que recebeu de seu Lama Raiz, o monge Rinchen absorveu muitas coisas de seu mestre, sendo umas delas a visão não-sectária (Rime) da prática do Dharma.

Por muitas vezes, o monge Rinchen acompanhou seu mestre em monastérios de outras tradições, nos quais S.E. Chogye Trichen Rinpoche, a pedido dos abades desses monastérios, ministrava iniciações e ensinamentos segundo a tradição Sakya.

Da mesma forma, grandes mestres de outras tradições vinham ao seu monastério realizar cerimônias de longevidade a S.E. Chogye Trichen Rinpoche e também para conceder ensinamentos segundo a tradição as quais pertenciam. Essa atitude não-sectária e a enorme simplicidade de S.E. Chogye Trichen Rinpoche têm sido uma das marcas das atividades do monge Rinchen no Brasil.


S.E. Gyana Vajra Rinpoche e o monge Rinchen

No Nepal, orientado por S.E. Chogye Trichen Rinpoche, o monge Rinchen recebeu ensinamentos e iniciações de diferentes mestres nas quatro tradições do budismo tibetano. No Brasil, o monge Rinchen recebeu vários ensinamentos e iniciações de S.E. Chagdud Tülku Rinpoche (1930-2002) e de sua esposa Chagdud Khadro, a quem devota profundo respeito e gratidão.


S.S. o Dalai Lama com o
chapéu da tradição Sakya

O monge Rinchen tem em sua formação a presença de grandes mestres como: S.S. o Dalai Lama, S.S. Sakya Trizin, S.S. Jigdal Dagchen Sakya Rinpoche, S.E. Luding Khenchen Rinpoche, S.E. Tülku Dorje Dhenpa Rinpoche, S.E. Ratna Vajra Rinpoche, S.E. Gyana Vajra Rinpoche, S.E. Jetsun Kushok Chimey Luding, Khenchen Appey Rinpoche, S.E. Shiwang Tülku Rinpoche, S.S. Penor Rinpoche, S.E. Getse Tülku Rinpoche, S.E. Trülshik Rinpoche, S.E. Shechen Rabjam Rinpoche e S.E. Chökyi Nyima Rinpoche, dos quais tem recebido contínuos ensinamentos e/ou iniciações.

Desde 2004, apontado como Lama (professor) residente do Sakya Thupten Dekyid Öedbar Ling em Cabreúva - SP, o monge Rinchen tem se dedicado às suas práticas e estudos, como também tem viajado extensivamente no Brasil para ensinar o Dharma de acordo com as instruções de sua linhagem. Também tem estado com seus mestres no Nepal e na Índia como parte de sua contínua educação monástica e aperfeiçoamento como professor de Dharma.


Monge Rinchen recebendo as bênçãos de S.S. Sakya Trizin, chefe supremo da tradição Sakya

Com o parinirvana de S.E. Chogye Trichen Rinpoche em janeiro de 2007, S.S. Sakya Trizin tornou-se o seu Lama Raiz. Desde então, dele tem recebido ensinamentos diretos e orientação para o desenvolvimento da tradição Sakya no Brasil e na América do Sul.

Veja também


Home | Quem Somos | Sakya | Biografias | Ensinamentos | IBA | Lamas | Atividades | Endereços

Rodovia Vereador José de Moraes, Km 6 - Sítio São Roque - Centro - Cabreúva - SP - Cx.Postal 41
CEP.: 13315-970 - Telefone: (11) 4528-1737 - E-mail: sakya@sakyabrasil.org