Mosteiro Budista Tibetano Sakya Tsarpa Thupten Dekyid Öedbar Ling

Biografias dos Grandes Lamas Sakyapas


Sua Eminência Luding Khenchen Rinpoche

Ludhing Khenchen Rinpoche é o superior da sub-escola Ngor da tradição Sakya. Considerado uma emanação de Vajrapani, Rinpoche é um dos professores mais altamente respeitados e treinados da tradição Sakya e do budismo tibetano em geral.

Rinpoche nasceu no clã de Shang, Sharchen ou Ludingpa em 1931, próximo à grande sede do Mosteiro Ngor Ewan, chamado Pangshal. O clã de Shang, Sharchen ou Ludingpa é renomado por produzir eruditos e praticantes realizados de diferentes escolas budistas.

Sendo o mais velho de sua família, Rinpoche foi ordenado como um monge aos 10 anos por seu tio e Lama Raiz, Khenchen Sarchen Jamyang Thupten Lungtok Gyaltsen Palsangpo.

Nos 13 anos seguintes, Rinpoche foi abençoado com vigorosas instruções sobre o Lamdre, várias iniciações, transmissões orais, conselhos, gramática, poesia entre outros de Khenchen Sarchen. Os outros professores do Rinpoche incluem os dois khenchens (grandes eruditos) de Ewam Khangsar Ladrang, S.S. Sakya Trizin e S.E. Chogye Trichen Rinpoche.

Rinpoche então dedicou todo o seu tempo para aprender e receber instruções sobre o Lamdre, as Sete Mandalas da tradição Ngor, os Treze Dharmas de Ouro da tradição Sakya e incontáveis outras iniciações e ensinamentos. Esteve em inumeráveis retiros, maiores e menores, praticando quase todas as deidades das tradições Sakya e Ngor. Aos 17 anos, permaneceu em um retiro contínuo de 3 anos e 3 meses, praticando principalmente a sadhana de Hevajra e outras deidades principais.

Aos 24 anos, em 1954, Rinpoche foi entronizado como o 75º abade do Monastério Ewam Chödhe. A posição de abade principal de Ngor era tradicionalmente mantida por um período de 3 anos, nos quais extensivos ensinamentos eram ministrados, quase ininterruptamente, dos quais o Lamdre e as Sete Mandalas de Ngor eram os ensinamentos principais. Normalmente, o período de 3 anos como abade principal do Monastério de Ngor alternava-se entre as quatro casas (ladrangs) da tradição Ngor — Luding, Khangsar, Thartse e P'hende. Por conta da ocupação chinesa no Tibete em 1959 e o rompimento do sistema monástico Ngor, Rinpoche guiou e manteve efetivamente a tradição Ngor até o dia 16 de março do ano 2000, quando passou a abadia ao seu sobrinho, S.E. Luding Khen Rinpoche Junior.

Em 1959, após as mudanças de circunstâncias no Tibete, Rinpoche fugiu para Darjeeling, Índia, próximo à fronteira indo-tibetana. Em 1961, Rinpoche estabeleceu o Centro Ngor em Gangtok, Sikkim. Em 1978, Rinpoche ainda restabeleceu o Mosteiro Ngor em Mandawala, ao norte da Índia, onde residiu por 25 anos.

Rinpoche tem contribuído significativamente para o Dharma, conferindo extensivos ensinamentos, iniciações, transmissões orais e restabelecendo retiros de verão em quase todos os mosteiro Sakya na Índia, no Nepal e em outros centros ao redor do mundo. Concedeu os preciosos ensinamentos do Lamdre, tanto o comum quanto o incomum, por mais de 15 vezes; um incontável número de iniciações e ensinamentos sobre Os Treze Dharmas de Ouro da tradição Sakya, as Sete Mandalas da tradição Ngor e deidades maiores e menores das tradições Sakya e Ngor.

Rinpoche também é o detentor da linhagem dos ensinamentos sobre a Coleção dos Tantras e a Coleção de Sadhanas que recebeu de S.S. Sakya Trizin. Rinpoche concedeu seu 16º ensinamento sobre o Lamdre na Austrália em 2004.


Home | Quem Somos | Sakya | Biografias | Ensinamentos | IBA | Lamas | Atividades | Endereços

Rodovia Vereador José de Moraes, Km 6 - Sítio São Roque - Centro - Cabreúva - SP - Cx.Postal 41
CEP.: 13315-970 - Telefone: (11) 4528-1737 - E-mail: sakya@sakyabrasil.org